sábado, 26 de julho de 2008

Poeminha dobrado


Eu sou uma borboleta
pequenina e feiticeira
ando no meio das flores
procurando quem me queira

Domínio Público

11 comentários:

verônica b. disse...

que papel maravilhoso! ficou MUITO lindo mesmo, bem como o kusudama do post passado. :)

Kátia Mitiko disse...

Flavita querida! Que saudades!!!! Dia 3 de agosto estou voltando para o Rio... e daí vamos dobrar né? Bjs

Thales disse...

Oi Flavia
Muito bonito esse Spring e muito bonito o papel que você usa ^^
Te add no meu blog, dá uma passadinha lá dps ;)
BjS

Falk Brito disse...

Oi! Ao ver seu lindo trabalho, lembrei deste texto poético de Cecília Meireles:

No mistério do Sem-Fim,
equilibra-se um planeta.
E, no planeta, um jardim,
e, no jardim, um canteiro:
no canteiro, uma violeta,
e, sobre ela, o dia inteiro,
entre o planeta e o Sem-Fim,
a asa de uma borboleta.

Beijos dobrados!

Celia disse...

Lindos, lindos, como tudo o que vc faz e como vc. O trabalho abaixo ficou maravilhoso; as cores combinaram muito bem. As rosas abaixo são fofas Bjss.Celia

Flavia Penedo disse...

Katita, estou te esperando!!!

Falk, delicado como sempre... Obrigada pelo belo poema!

Thales, já vou te visitar, tá? Aguarde!

beijos

Milka disse...

Liiiiindo o poema, o seu trabalho então?! encantador!!bjos

Tutti Tu disse...

Flávinha,
Que lindo que ficou!
Amei esse papel!
Eu não sei o nome daquele kusudama, mas "acho" que tenho aquele arquivo... Vou procurar e depois te falo, tá?
Beijinhos

Lylie Mariano disse...

Oi Flávia!

É a primeira vez que visito seu blog! Amei sua idéia dos orixás. Parabéns muito criativo!!

Beijos!

Flavia Penedo disse...

Oi Lylie, seja bem vinda!
beijos

regina bastos disse...

ola , adoro guirlanda , agora ouvi essa musiquinha quando criança ....eu sou uma borbole.....regina